Consumidor

América Latina: Uma potência subutilizada na indústria de cuidados pessoais para o lar

Nos últimos anos, a indústria de beleza e cuidados pessoais apresentou crescimento contínuo e consistente, com algumas pesquisas estimando que o setor vale US $ 180 bilhões. A indústria não foi afetada negativamente tanto quanto outras com o início da pandemia COVID-19, já que a indústria fabrica muitos produtos de limpeza e itens pessoais que as pessoas usam rotineiramente para se proteger durante a crise de saúde. Os países da Europa e da Ásia, assim como os Estados Unidos, são jogadores importantes tanto na importação quanto na exportação e são vistos como titãs no setor. No entanto, especialistas e especialistas da indústria estão começando a perceber que a América Latina tem potencial para ser um jogador forte na indústria e ajudá-la a crescer e se desenvolver ainda mais.

A partir de agora, itens para os cabelos, fragrâncias e produtos para a pele são alguns dos produtos mais populares adquiridos na América Latina. Mas, existem fatores novos e emergentes que estão mudando o cenário da indústria. Novas tendências em cuidados pessoais masculinos estão em ascensão, criando uma base de consumidores em potencial ainda maior e uma necessidade cada vez maior de produtos sob medida. A preocupação com a poluição do ar e a exposição ao sol nos últimos anos tem suscitado um maior interesse na Indústria de Beleza e Cuidados Pessoais, com as pessoas ativamente empenhadas em encontrar produtos que lhes dêem proteção adequada, mesmo a um preço mais elevado. Estudos mostram que cerca de cinquenta por cento dos consumidores latino-americanos estão dispostos a pagar mais por produtos premium ou de alta qualidade, mais um sinal de que há um forte foco neste setor nesta região, com muitas oportunidades surgindo. Os relatórios também indicam que os consumidores estão buscando ativamente produtos naturais que não agridem o meio ambiente e que trarão benefícios a longo prazo.

Esses fortes interesses e desejos dos consumidores latino-americanos provavelmente terão um efeito duradouro na indústria de cuidados pessoais como um todo. No momento, a América Latina representa pouco mais de 14% do mercado global, mas as vendas e o interesse nessa área mostram que há interesse e esperança de expansão. Nessa região, o Brasil representa pouco menos da metade do mercado latino-americano, seguido pelo México com aproximadamente 14,4%, Argentina com aproximadamente 8,3% e Chile e Colômbia com aproximadamente 5% cada. Embora esses números possam parecer pequenos, o potencial se torna muito claro quando olhamos para o valor de mercado de cada país. Embora a Colômbia seja um player relativamente pequeno em comparação com outras empresas em termos de participação de mercado, o país registrou US $ 3,5 milhões em vendas em 2019, um crescimento de 3,08% em relação ao ano anterior. Em 2018, o mercado brasileiro de cuidados pessoais valia mais de $ 14 bilhões de dólares e o do México valia $ 10 bilhões. Ao levar em conta que esses dois países vêm de uma região que pode não dominar a fatia do mercado global, mas contribui com quase US $ 25 bilhões para a indústria total, e outros países estão tendo um crescimento notável, fica claro que há uma demanda por beleza e pessoal produtos de cuidado lá.

Então, para onde podem ir os profissionais da Indústria de Cuidados Pessoais a partir daqui? É claro que há uma demanda por produtos de higiene pessoal na América Latina e essa demanda está crescendo. Porém, encontrar os canais certos para o mercado, bem como fortalecer e expandir o interesse pelo produto, é fundamental. Em uma época em que tantas pessoas se concentram quase exclusivamente nas vendas online, a pesquisa mostra que a indústria latino-americana se beneficia das vendas multicanal, o que significa que as vendas são perceptíveis de outras formas além das vendas online. Levando em consideração o quão pequena é a região no mercado global de cuidados pessoais, fica claro que há espaço para expansão física, incluindo mais opções de manufatura nacional. Ao adicionar isso, haverá opções ainda maiores para os consumidores latino-americanos, bem como uma maior capacidade de exportação para tornar a América Latina um player ainda mais forte e poderoso em nível global.

Aqui na EquipNet, nos empenhamos em garantir que você tenha todo e qualquer equipamento necessário para aumentar sua instalação de cuidados pessoais. Só na América Latina, temos um extenso estoque que inclui equipamentos para a fabricação e distribuição de Aerossóis, Batons e Protetores labiais, Desodorantes, maquiagens em pó e sólidas e muito mais. Nos últimos cinco anos, nosso estoque de máquinas para a produção de sabonetes em barra dobrou e o equipamento para cosméticos em geral cresceu 52%. Mesmo com o crescimento e a demanda que estamos observando em nosso estoque, fica claro que a América Latina está se tornando rapidamente um importante player no mercado global de Higiene Pessoal. Curioso para ver o que temos a oferecer e como isso pode beneficiá-lo? Acesse nossa página da Web dedicada a Equipamentos de cuidado pessoal e doméstico para obter mais informações ou entre em contato conosco hoje mesmo em sales@equipnet.com!

Categorias: Consumidor